No Brasil, existem pessoas que se interessam pela educação domiciliar, mas que ainda não têm apoio e informação necessária para a realização da prática. A Comissão de Educação da OAB/DF promoverá seminário, no dia 22 de fevereiro, na sede da Seccional, com o intuito de abordar o tema a fim de que o ensino seja coerente e atenda às necessidades de cada família.

Para o presidente da Comiss√£o de Educa√ß√£o, Luis Claudio Megiorin, √© preciso que pais tenham aparato para fazer um bom trabalho. ‚Äú√Č muito importante que os pais tenham liberdade de educar seus filhos de acordo com as suas convic√ß√Ķes. Isso √© um direito dos pais que deve ser assegurado mas, que ainda n√£o est√° na nossa legisla√ß√£o educacional. O evento √© atual e mais do que necess√°rio‚ÄĚ.

O evento ser√° de 9h √†s 18h e abordar√° temas como: a situa√ß√£o da educa√ß√£o domiciliar no mundo e no Brasil, as solu√ß√Ķes tecnol√≥gicas e as perspectivas da regulamenta√ß√£o da pr√°tica.

Serviço:

Seminário Internacional de Educação Domiciliar

Data: 22 de fevereiro

Hora: 9h às 18h

Local: Auditório da OAB/DF (SEPN 516, Bloco B, Lote 7 РBrasília/DF)

Inscri√ß√Ķes gratuitas pelo site

 

(Foto: Thinkstock)