‘’A advocacia não deve ser apenas uma profissão ou uma fonte de renda. Nossa profissão nos distingue dos demais. Precisamos ser advogados que valorizam a vida, olhando o outro com empatia, humanidade, dignidade e respeito. O advogado que cuida do seu cliente é o profissional que vai driblar a tecnologia. Vamos ser aquilo que uma máquina nunca será’’, disse a paraninfa, advogada, professora e mestre em Direito Maria Cláudia Bucchianer, durante o seu discurso na solenidade de entrega das carteiras aos novos 70 advogados, na tarde desta quarta-feira (10) na sede da Seccional, em Brasília.

A paraninfa aconselhou os novos advogados sobre como humanizar o processo em tempos de inteligência artificial. ‘’Daqui a 10 anos o cenário será outro e competirá aos senhores ensinarem a mim e a todos os membros desta mesa como ser um bom advogado e como se fazer útil no mundo dos robôs e softwares’’, declarou. ‘’Nunca se esqueçam que por trás de cada processo existe uma vida, uma pessoa que merece o melhor de vocês no plano pessoal e profissional. Nós precisamos ser o núcleo da resistência dos valores, jamais devemos nos calar diante de discriminações e injustiças’’, concluiu.

Jéssica Alvarenga Getúlio Borges, oradora da turma, ressaltou o papel do Estado de Direito. ‘’Somos os responsáveis por fazer o Direito acontecer, a ponte entre a liberdade e o dever. Em nós será depositado o máximo de confiança que possa ser depositado em alguém, que nesses momentos impere a responsabilidade’’, afirmou.

O secretário-geral da Seccional, Jacques Veloso de Melo, deu boas-vindas e parabenizou os novos advogados da OAB / DF. ‘’O que diferencia uma ditadura de um Estado Democrático de Direito somos nós advogados e a nossa atuação. É nossa função e dos senhores, mais do que nunca, estarmos atentos à necessidade de que essa ampla defesa jamais seja burlada. Nosso objetivo como advogados é fazer com que a justiça impele. Ganhando ou perdendo é extremamente importante que todos sejam ouvidos’’.

Também compuseram a mesa os conselheiros Seccionais Fabiana Soares de Sousa; Janine Malta Massuda; Maria Dione de Araújo Felipe; Mariana Prado Garcia de Queiroz Velho; Thais Riedel; Fernando de Assis Bontempo; Glauco Alves e Santos; Wanderson Menezes; os presidentes da Subseção do Gama e Santa Maria, Amaury Santos de Andrade; e do Paranoá, Valdir de Castro Miranda.