O presidente da Comissão de Defesa dos Direitos da Criança, do Adolescente e da Juventude da OAB/DF visitou, em conjunto com a Promotoria de Justiça de Defesa da Infância e da Juventude do Ministério Público do Distrito Federal e dos Territórios (MPDFT), três unidades de internação e semiliberdade.

O objetivo da visita, ocorrida no último dia 26 de setembro, foi averiguar a situação das unidades. “A OAB/DF tem de estar integrada a esta rede de proteção. Este foi um trabalho inédito e nosso desejo é levar os integrantes da Comissão para novas inspeções e assim atuar na defesa da juventude e da infância”, destacou o presidente da Comissão, Charles Bicca. “Queremos uma integração cada vez maior entre a OAB, o Ministério Público, o Judiciário e as entidades da sociedade civil”, completou.

A primeira unidade visitada foi a de Internação Provisória de São Sebastião, que abriga hoje cerca de 100 menores. A inspeção foi acompanhada pela direção do local, com os responsáveis Mauro Henrique e Roseana Salaberri. A segunda visita foi na Unidade de Internação de São Sebastião, onde ficam os jovens sentenciados. No local, há 118 adolescentes de 15 a 18 anos. A última unidade visitada foi a de Internação Brazlândia – UIBRA, que abriga 60 jovens de 18 e 21 anos.

Uma semana antes das visitas, o Presidente da Comissão ainda se reuniu com o juiz titular da Vara da Infância e Juventude do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT), Renato Rodovalho Scussel. No MPDFT, ficou acertado a ida da Comissão à Promotoria de Justiça de Defesa da Infância e da Juventude do MP, com o Coordenador Luis Gustavo Maia Lima, e com o promotor Renato Barão Varalda.

 

Comunicação OAB/DF
Texto: Neyrilene Costa (estagiária sob supervisão de Ana Lúcia Moura)