“Parabenizo vocês pelo momento histórico. Nós sabemos que é cada vez mais difícil ingressar na Ordem e que este seja o início de uma carreira ética, de sucesso, em benefício de toda a sociedade”, disse o paraninfo, conselheiro Seccional e presidente da Associação Nacional dos Advogados Públicos Federais (Anafe), Marcelino Rodrigues Filho, durante seu discurso na solenidade de entrega das carteiras a 78 novos advogados, na manhã desta terça-feira (11), na sede da Seccional, em Brasília. O paraninfo aconselhou os novos advogados a conhecerem os serviços oferecidos pela Ordem e os convidou a participarem das comissões.

Maria Eduarda Soares de Mendonça, oradora da turma, falou sobre as dificuldades enfrentadas para se tornar advogada. “Eu tenho duas deficiências, uma física e outra visual, que me deixa praticamente cega. O Direito, para mim, sempre foi uma luta. Por isso, posso afirmar que chegar até aqui foi uma superação diária para cada um de nós. Com essa carteira nós não ganhamos apenas o direito de advogar, mas, principalmente, o direito de lutar para transformar a advocacia numa profissão realizadora”, afirmou.

“Parabéns a todos vocês. Ninguém conseguiu chegar aqui sozinho. Tenho certeza de que a caminha foi longa. Utilizem nossos serviços, especialmente os oferecidos pela Caixa de Assistência ao Advogado. Conheçam nossas comissões. Não se omitam. Sejam muito bem vindos à Ordem dos Advogados do Brasil”, disse o secretário-geral da Seccional, Jacques Veloso.

O discurso de encerramento da solenidade foi proferido pelo ex-presidente da OAB/DF, Luis Felipe Ribeiro Coelho. “Este dia não poderia ser mais especial. Tenho aqui meu filho recebendo sua carteira nesta solenidade. Hoje também é uma data fatídica. A partir daquele 11 de setembro, o mundo buscou por alternativas e, hoje, vocês recebem a carteira da Ordem com o objetivo de encontrar alternativas”, disse. “Desejo a todos felicidades e muitos honorários a cada um de vocês”, finalizou.

Também compuseram a mesa o diretor-tesoureiro da Seccional, Antônio Alves; o conselheiro Federal Severino Cajazeiras; os conselheiros Seccionais Christiane Pantoja, Ildecer Amorim, Indira Quaresma, Lucia Bessa, André Lopes de Sousa, João Paulo Amaral Rodrigues, Marcelo Cunha e Wendel Lemes; o diretor-tesoureiro da Subseção do Núcleo Bandeirante, Gilberto Tiago Nogueira; a vice-presidente do Conselho Jovem, Marcela Furst; o secretário-geral do Conselho Jovem, Emanuel Sales; o presidente da Comissão da Advocacia Pública Federal, Frederico Vasconcelos; a pró-reitora do UniCeub, Elizabeth Mansour; e a diretora de Políticas de Educação Especial do Ministério da Educação, Patrícia Raposo.