A Seccional recepcionou os futuros advogados na segunda fase do XXV Exame de Ordem Unificado, que ocorreu no último domingo (10) no Centro Universitário Euroamericano (Unieuro) da Asa Sul. A OAB/DF esteve presente e entregou kits contendo barrinha de cereal, água e caneta para quem foi realizar a prova. A entrega foi preparada pelo Conselho OAB Jovem e pela Comissão de Apoio ao Advogado Iniciante.

Para o presidente da Comissão de Apoio ao Advogado Iniciante, Tiago Santana, esse primeiro contato com o futuro advogado é importante para que ele se sinta acolhido pela Ordem desde o primeiro momento. “Nosso objetivo é principalmente fazer com que o futuro advogado possa se sentir acolhido e que nós, da OAB/DF, possamos desejar boa sorte na hora da prova. É um primeiro acolhimento daquela Casa que será do futuro advogado”, explicou.

O estudante do 9º semestre de Direito Luiz Fernando Freitas reforçou a posição da Seccional na defesa de prerrogativas. “A OAB/DF é totalmente diferenciada porque não temos nenhum outro órgão parecido em termos de representatividade. O cuidado da OAB/DF com a classe não se compara. Esse cuidado da Seccional com os futuros advogados ao entregar os kits faz muito bem para nós, que vamos realizar a prova agora. Eu ainda não me formei, mas estou na expectativa de conseguir logo essa carteirinha”.

Para Verônica Pereira de Souza, a entrega dos kits e a presença dos membros das comissões são uma maneira de se sentir acolhida. “É uma recepção que faz bem para nós, porque a gente já vem nervosa, ansiosa e ter esse contato com alguém da OAB/DF tranquiliza”, contou.

Cleiton Ferreira elogiou a entrega dos kits feita pela Seccional e disse que é importante ter uma Ordem representativa na defesa dos direitos do advogado. “O nervosismo atrapalha muito na hora de fazer a prova, mas essa força da OAB dá uma amenizada. O que me incentiva a querer mesmo conseguir minha carteirinha é o apoio da OAB/DF como uma entidade grande representativa que defende as prerrogativas do advogado. A classe está bem representada”, pontuou.

O bacharel em Direito Mauro Sérgio Gonçalves avaliou positivamente a iniciativa da OAB/DF. “É um incentivo bom porque faz a gente querer mais ainda passar nessa prova. Qualquer incentivo a mais é muito válido e bem vindo. Estou muito confiante e espero ir à Seccional em breve para buscar minha carteira de advogado da Ordem”, disse.

Estiveram presentes os integrantes da Comissão de Apoio ao Advogado Iniciante Anna Dantas, Marina Estevam, David Telles, Leonardo Areba, Maurício da Cunha e Wilson Maziero.

As provas do XXV Exame de Ordem Unificado foram realizadas nas unidades Sul e Norte da Unieuro.