Brasília, 31/1/2016 – O Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) elegeu, neste domingo (31), a diretoria que comandará a entidade nos próximos três anos. Compõem a direção o presidente Claudio Lamachia (RS), o vice-presidente Luis Cláudio Chaves (MG), o secretário-geral Felipe Sarmento (AL), o secretário-geral adjunto Ibaneis Rocha (DF) e o diretor-tesoureiro Antonio Oneildo Ferreira (RR).

A eleição foi realizada durante a última sessão do Conselho Pleno da entidade na atual gestão, que encerra o mandato do advogado Marcus Vinicius Furtado Coêlho. A votação foi conduzida pela decana do Conselho Federal, Cléa Carpi da Rocha. Votaram os 81 conselheiros.

Ibaneis Rocha, ex-presidente da OAB/DF (triênio 2013-2015) e agora secretário-geral adjunto da OAB nacional, agradeceu aos advogados do Distrito Federal pela honra de poder representá-los. “Junto à diretoria do Conselho Federal vou honrar cada um dos votos e a vontade de cada um dos advogados do Distrito Federal. Terei um olhar especial sobre os destinos da advocacia para ajudar os colegas a exercer sua profissão com cada vez mais qualidade. Trabalharemos para dignificar mais ainda a advocacia brasileira”.

O presidente da OAB/DF, Juliano Costa Couto, destacou como grande avanço para a advocacia do Distrito Federal a escolha de Ibaneis Rocha para compor a diretoria da OAB nacional. “Ganha a advocacia do DF e nossos mais de 34 mil advogados inscritos. Eu, como presidente, estarei à disposição para concretizar todos os projetos que serão apresentados. Será uma honra iniciar este mandato ao lado do presidente Ibaneis”.

O advogado gaúcho Claudio Lamachia comandará a entidade que reúne 945 mil advogados em todo o país. Lamachia é o primeiro advogado atuante no Rio Grande do Sul a presidir a entidade em seus 85 anos de existência. Em seu discurso, o novo presidente assegurou que manterá uma permanente busca de valorização aos honorários advocatícios e uma defesa intransigente das prerrogativas profissionais.

O novo presidente afirmou também que a OAB estará, mais do que nunca, atenta aos anseios da sociedade, em uma cruzada contra a corrupção e o mau uso das verbas públicas. “A OAB não deixará, de maneira alguma, de lutar por um novo patamar ético na política brasileira e cobrará do governo e do Congresso medidas efetivas no combate ao fisiologismo e as concertações de gabinetes. Sem bandeiras partidárias, defendendo o interesse da sociedade e respeitando a Constituição, estaremos mais atentos e atuantes do que nunca. É o que a sociedade espera de nós. Esse é o nosso compromisso”, prometeu Lamachia.

Em seu discurso, Marcus Vinicius Furtado Coêlho agradeceu o apoio de todos em sua gestão que, segundo ele, foi compartilhada e participativa. “Vocês sabem que não houve censura em nenhum tema. Todos os posicionamentos da diretoria foi ouvindo o Conselho Federal. Com certeza essa será a postura da nova diretoria. Pensando juntos, erramos menos”, disse.

IMG_1799Nesta segunda-feira (1/2), às 9h, será realizada a solenidade de posse da nova diretoria e dos conselheiros federais. Além de Ibaneis Rocha, representam o DF os advogados Severino Cajazeiras, Carolina Petrarca, Felix Palazzo, Manuel de Medeiros e Marcelo Galvão.

A solenidade contou com a presença da vice-presidente da OAB/DF Daniela Teixeira, do secretário-geral Jacques Veloso, do secretário-geral adjunto Cleber Lopes, do diretor-tesoureiro Antonio Alves, além do presidente da CAA/DF Ricardo Peres, do secretário-geral da Caixa Maxmiliam Patriota, e do diretor-tesoureiro Marcelo Lucas. Ainda compareceram os conselheiros seccionais Alexandre Queiroz, Fernando Assis, João Paulo Amaral, Glauco Santos, Erik Bezerra, Carlos Bezerra, Wendel Faria, Divaldo Theophilo, Hellen Falcão, Denise Fonseca, Marcelo Martins, Leonardo Mundim, Cristiano Fernandes, Antonio Rodrigo, Thaís Riedel, Erich Endrillo. Compareceu ainda o ex-presidente da CAA/DF Everardo Gueiros.

Confira o currículo dos novos diretores do Conselho Federal da OAB

Claudio Pacheco Prates Lamachia (presidente):

Foi vice-presidente do Conselho Federal da OAB na gestão 2013/2016. Por duas oportunidades, entre 2007 e 2012 foi presidente da OAB-RS, sendo reeleito em 2009 com 82% dos votos. Em 2012, no final de sua segunda gestão, uma pesquisa nacional apontou 93% de aprovação dos advogados do Rio Grande do Sul ao dirigente.

Luís Cláudio Chaves (vice-presidente):

Na seccional mineira foi assessor da Caixa de Assistência dos Advogados, presidente da OAB/Jovem, conselheiro suplente, conselheiro titular, presidente da Comissão de Exame de Ordem, diretor tesoureiro, vice-presidente e presidente de 2010/2012. Foi presidente da OAB-MG nas gestões 2010/2012 e 2013/2015. No âmbito do Conselho Federal, na gestão 2013/2016, foi membro da Comissão Especial para Elaboração do Selo OAB; presidente da Comissão Especial de Direito de Família e Sucessões; e membro da Comissão Especial sobre o Desastre Ambiental de Mariana/MG e consequências.

Felipe Sarmento (secretário-geral):

Na gestão 2007/2010 do Conselho Federal, Felipe Sarmento foi membro da Comissão Nacional de Apoio aos Advogados em Início de Carreira e da Comissão Especial de Defesa do Quinto Constitucional e Aprimoramento do Judiciário. Na gestão 2010/2013 integrou a Comissão Especial de Precatórios e a Comissão Especial de Defesa do Quinto Constitucional e Aprimoramento do Judiciário. Na gestão 2013/2016 atuou como Presidente do FIDA – Conselho Gestor do Fundo de Integração e Desenvolvimento Assistencial dos Advogados e presidiu a Comissão Especial de Gestão Participativa e Descentralização Administrativa.

Ibaneis Rocha (secretário-geral adjunto):

Foi vice-presidente da OAB-DF no período de 2008/2009. Ocupou o cargo de Secretário-Geral da Comissão Nacional de Prerrogativas do Conselho Federal da OAB na gestão 2007/2010. Foi eleito Presidente da OAB-DF para o triênio 2013/2015. Na gestão 2013/2016, no Conselho Federal da OAB, foi membro da Comissão Especial de Defesa dos Honorários da Advocacia Pública. No âmbito da Seccional brasiliense, presidiu a Comissão de Direitos Humanos e também a Comissão de Prerrogativas Profissionais.

Antônio Oneildo Ferreira (diretor-tesoureiro):

Foi eleito presidente da Seccional da Ordem dos Advogados do Brasil de Roraima por quatro mandatos consecutivos (2001/2003, 2004/2006, 2007/2009 e 2010/2012). Foi presidente da comissão que analisou e emitiu parecer sobre projeto de lei complementar que criou, organizou e estruturou a Defensoria Pública do Estado de Roraima, além de ter atuado como membro de importantes comissões da OAB/RR, como de Defesa dos Direitos e Prerrogativas Profissionais e dos Direitos da Criança e do Adolescente. Foi diretor tesoureiro do CFOAB e do FIDA Conselho Gestor do Fundo de Integração e Desenvolvimento Assistencial dos Advogados na gestão 2013/2016.

Comunicação social – jornalismo (com informações do CFOAB)

Foto capa – Eugenio Novaes

OAB/DF